[Infográfico] Saiba como dar um feedback eficiente

Você sabe como dar um bom feedback? Sabe como dizer para um colaborador que ele precisa melhorar em alguns pontos? E para um conhecido, você consegue ser sincero sem ser rude?

A palavra feedback vem do inglês e significa realimentar.
Nas relações humanas, o feedback refere-se ao retorno que damos a uma pessoa quanto a algo que ela tem feito.

Infelizmente, muitas pessoas, muitos líderes, não conseguem passar o feedback da maneira correta. Isso gera conflitos e desentendimentos. Se você não consegue ser claro na hora de dar um feedback para o seu colaborador, por exemplo, a probabilidade de você se estressar é muito grande. Assim, como é grande a probabilidade do seu colaborador ficar chateado.

Se você não diz de forma clara e objetiva quais são os pontos que precisam ser melhorados, a pessoa não consegue entender onde errou. E também não é coerente da sua parte apontar apenas os erros, é preciso enfatizar os pontos positivos, os acertos.

Outro quesito muito importante é saber encorajar a pessoa que está recebendo o feedback. Não adianta apenas mostrar os erros e dizer o que é preciso ser feito. A pessoa precisa saber que ela é capaz de fazer as mudanças, que ela consegue fazer um trabalho melhor. Nunca deixe a pessoa sair de uma conversa com o sentimento de fracasso ou impotência.

Lembre-se: feedback não é crítica, não é queixa, bronca, conselho ou lição de moral. Ele é uma ferramenta para que comportamentos impróprios sejam alterados e as relações entre pessoas se tornem mais fáceis. O objetivo é sempre a melhoria!

Um bom feedback serve para:

1- Acelerar o aprendizado;
2- Aumentar a performance e resultados e
3- Elevar a motivação, produtividade e responsabilidade.

Para facilitar nesse processo, destaquei aqui algumas regras básicas. Logo abaixo, tem um infográfico para deixar essas dicas mais visuais.

Prepare-se

Não dê um feedback de cabeça quente. Reflita sobre tudo o que vai falar. Faça um balanço dos aspectos positivos e negativos.

Escolha um local próprio

O ambiente deve ser neutro, de preferência na sala de quem vai receber o feedback. Tente não fazer isso na frente de outras pessoas.

Cuidado com o tom

Não grite, não se exalte. Também não use palavras que possam ofender a pessoa.

Ouça a pessoa

Você não é o dono da verdade. Ouça o que a pessoa que está recebendo o feedback tem a dizer. Seja educado, ouça atentamente.

Reforce

Ao final, ressalte os pontos principais da conversa – tanto os positivos quanto os negativos e mostre que você acredita na capacidade da pessoa de realizar as melhorias propostas.

Leia também:

[Infográfico] Como dar um bom feedback

ingrafico-final-2

[Baixe aqui o infográfico em alta resolução]

Um feedback bem feito pode gerar vários resultados. Você estará estimulando a pessoa:

1- Perceber e aceitar coisas que ela não estava percebendo;
2- Sentir-se encorajada a encontrar soluções e a melhorar sua performance;
3- Assumir a responsabilidade por suas ações e adotar uma postura proativa;
4- Ressignificar experiências, ou seja, rever, repensar e reestruturar sua interpretação dos fatos, dando-lhes um novo significado capaz de apontar caminhos mais produtivos e enriquecedores.

 

O que você pode fazer para dar um bom feedback daqui para frente?